Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de 2009

INAUGURADO NOVO MINICENTRO NO CAMPO DO SANTANA

Ontem, às 10h da manhã, inauguramos o novo MiniCentro Cirúrgico Veterinário no Campo do Santana. Esteve presente o Secretário Luiz Gonzaga, Veterinários e funcionários da SEPDA. Algumas pessoas que passavam pelo local, na hora da inauguração aproveitaram para conhecer o Programa Bicho-Rio. O agendamento será feito somente no local, todas as sextas-feiras. A partir de 8h, são distribuídas senhas limitadas aos interessados, para que sejam agendados para a semana seguinte. É necessário levar CPF e comprovante de residência. O animal não precisa ser levado neste dia.  Só agendamos um animal por semana de cada pessoa. Para uma esterilização com o mínimo de riscos só esterilizamos animais de 6 meses a 6 anos, que não estejam no cio e nem estejam amamentando.


DENUNCIE MAUS TRATOS CONTRA ANIMAIS: Ouvidoria SEPDA Tels: 2292-6516 / 3402-0388.

Voltar ao Blog do Orion de Sá

ZOOLÓGICO DO INTERIOR DE SP RECEBE ANIMAIS RESGATADOS PELA POLÍCIA

Animais resgatados pela Guarda Municipal e pela Polícia Militar Ambiental têm sido encaminhados para o Zooparque de Itatiba, a 84 km de São Paulo. Alguns dos bichos são filhotes e precisam de tratamentos específicos, que são dados nos Centros de Triagem das Universidades de Medicina Veterinária, apoiados pelo Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama).  Quando eles estão mais resistentes, vão para o novo lar. No Zooparque, que existe há 15 anos, os animais se adaptam à alimentação artificial. Dois tamanduás, moradores do local, passam por esse processo. Um deles é o Tadeu. Ele foi encontrado na Serra do Mar. O menor é Tomy. Ele foi resgatado, ainda recém-nascido, por uma estudante de veterinária em Araraquara. Filhote de cachorro-do-mato que recebe tratamentos em Itatiba (Foto: Divulgação/ Zooparque Itatiba)
 “Na natureza esses bichos só se alimentam de insetos. No Zooparque, eles são alimentados com frutas, leite de soja e ovo, que substitui as n…

PROGRAMA BICHO RIO DIVULGA SUA AGENDA

De acordo com o site da SEPDA, eles disponibilizam cinco mini-centros cirúrgicos, nos quais realizam esterilizações gratuitamente, além do Centro Clínico, na sede da Secretaria, na Fazenda Modelo.

Lembrando que este serviço de controle populacional é oferecido somente para a população do município do Rio de Janeiro.

Endereços Bonsucesso I e II - Avenida Brasil, esquina com a Rua Teixeira Ribeiro (passarela 9, próximo ao Restaurante Popular).
Jacarepaguá- Praça Seca (em frente ao banco HSBC).
Largo do Machado - Praça Central (em frente à cabine da Polícia Militar, próximo à Estação Metrô).
Realengo- Praça Padre Miguel (Paralela à Avenida Santa Cruz, em frente à igreja Nossa Senhora da Conceição).
Fazenda Modelo - Guaratiba (Estrada da Matriz, nº 4445).

Agendamento
O agendamento é feito somente no local, todas as sextas-feiras. A partir de 8h são distribuídas senhas limitadas aos interessados para que sejam agendados para a semana seguinte. É necessário levar identidade, CPF e comprovant…

Tatu com obesidade mórbida faz tratamento no Ibama

Animal foi entregue ao órgão com 16,2 quilos – mais que o dobro do normal. Ele recebe dieta de baixas calorias e faz atividades físicas.

 Problemas com peso não são um mal exclusivo dos bichos de estimação domésticos. Animais silvestres criados ilegalmente também podem sofrer com excesso de quilos. É o caso de um tatu diagnosticado com obesidade mórbida, que desafia os veterinários do Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama) em Eunápolis (BA).  O animal, que tem aproximadamente 5 anos, foi entregue ao Ibama há 15 dias com 16,2 quilos – mais do que o dobro do peso normal, que varia de 3 a 6 quilos. “Agora, o tatu já deve estar com uns 15 quilos, porque ele tem feito muitas atividades físicas. Ele também tem recebido dieta de baixas calorias adequada para seu estado clínico”, explicou o biólogo Lucas Mendonça da Mota ao G1.
Segundo Mota, o animal é mantido em uma área em que pode caminhar e ter hábitos semelhantes aos encontrados em tatus na naturez…

Deputados recebem 1 milhão de cartas contra Projeto de Lei

Fonte: WSPA-Brasil


O artigo 32 da Lei de Crimes Ambientais (nº 9.605/98) é hoje a principal ferramenta legal para coibir atos de maus-tratos contra os animais domésticos ou domesticados. No entanto, o ex-deputado José Thomaz Nonô criou o polêmico Projeto de Lei 4.548/98, que visa justamente acabar com essa ferramenta, retirando a expressão “domésticos ou domesticados” do referido artigo 32.

Caso esse PL seja aprovado e, portanto, os maus-tratos a esses animais seja descriminalizado, o Brasil verá um provável aumento em atividades cruéis como rinhas de cães e galos e outros esportes cruéis com o uso de animais, sem falar na violência cada vez mais frequente contra cães e gatos.

Ação online

No início de outubro, a WSPA Brasil propôs uma ação online para que todos aqueles que são contra o PL 4.548/98 manifestem tal posição enviando uma carta-padrão aos deputados federais de seus respectivos estados. A participação tem sido impressionante…

CHEGA DE CIRCOS COM ANIMAIS

Orion de Sá

Os circos surgiram na China, há cerca de 5 mil anos, com espetáculos estrelados principalmente por dançarinos e acrobatas. Registros históricos indicam também a ocorrência de shows com malabaristas no Antigo Egito e contorcionistas na Índia. Na Grécia Antiga, espetáculos de destreza e equilíbrio eram complementados pelos sátiros, precursores dos palhaços, que faziam o público rir, com piadas e estripolias.

Assim, podemos concluir que o circo, desde sua origem, é um espaço para manifestações culturais e 
artísticas que enfatizam o talento humano. Entretanto, esse propósito legítimo encontra-se deturpado e, infelizmente, muitos circos de hoje não passam de palco para a dor, escravidão,  crueldade e morte­. 
Nada a ver com a beleza e a alegria com que deveriam brindar seu público!

Os animais utilizados nos espetáculos circenses são muito sofridos. Perdem seus ambientes naturais e passam a viver em cativeiro por toda a vida, presos por correntes ou contidos por fios elétricos, …

AÇÃO URGENTE: PREFEITO DE JAGUARIÚNA QUER CONSTRUIR TORTURÓDROMO DE ANIMAIS

Orion de Sá
O Prefeito de Jaguariúna Gustavo Reis (PPS) quer construir um Torturódromo de Animais: uma espécie de Coliseu ou arena com o dinheiro dos nossos impostos e do Ministério do Turismo, para que a população se divirta vendo os animais sofrerem em rodeios. O prefeito de Jaguariúna Gustavo Reis nos remete aos tempos da Roma Antiga onde os gladiadores enfrentavam as feras. Hoje os gladiadores são chamados de peões, mas a essência do espetáculo é a mesma entreter a população para que ela ela esqueça a sua própria miséria e não se rebele contra o sistema, se alienando e divertindo às custas do sofrimento e da vida dos martirizados (no caso atual, os bois, cavalos, etc...)
O Imperador (ou Prefeito) de Jaguariúna, o Sr Gustavo Reis, está implantando em pleno século XXI a política do 'pão e circo' dos tempos da Roma Antiga. Mais uma vez a História se repete em forma de farsa. Mas desta vez, o prefeito Gustavo Reis também está prestando um serviço aos pecuaristas que fornecerão…

Animais em sofrimento em condomínio do RJ

Uma moradora do condomínio Rio 2, que fica em frente ao Autódromo, na Av. Embaixador Abelardo Bueno, no Rio de Janeiro. Relatou em um e-mail, que depois de passar dias tentando solucionar um problema"sobre animais" com as autoridades competentes, lamenta que aqui no Brasil existe muita dificuldade em ajudar os animais.

Dentro do condomínio onde ela reside, há uma praça, com tanques pequenos de cimento com chafariz que ali foram introduzidos por anônimos, vários peixes (carpas) e tartarugas que se encontram com enorme dificuldade de sobrevivência. O problema é que ninguém é responsável pelos bichos, significa dizer que comem o que alguns moradores dão e quando dão, tipo miolo de pão, ração de gato etc. Eles têm dificuldade para respirar porque, quando há limpeza dos tanques, por vezes não esperam o cloro decantar, acarretando a morte e desespero de vários deles, o que é muito triste de ser visto.
A associação dos moradores do condomínio, a AMO RIO, não alimenta e nem se preocup…

Bruno Senna adere a campanha "Piloto Amigo dos Animais"

SÃO PAULO – O grupo “Piloto Amigo dos Animais”, criado há pouco mais de um ano com o propósito de chamar a atenção para o problema dos animais de rua, especialmente cachorros abandonados, acaba de ganhar a adesão de mais uma estrela das pistas. Com contrato assinado com a Campos Meta para estrear na Fórmula 1 em 2010, Bruno Senna passa a engrossar uma lista de simpatizantes da causa que inclui outros nomes importantes da Fórmula 1 e da Stock Car.
O “Piloto Amigo dos Animais” foi formado por pilotos e chefes de equipe da Stock Car que têm em comum o amor pelos animais. No ano passado, durante o Desafio Internacional das Estrelas, em Florianópolis, a iniciativa recebeu o apoio de personalidades do automobilismo como Felipe Massa e Michael Schumacher, que vestiram a camisa com o logo do grupo e da campanha PEDIGREE® Adotar é Tudo de Bom, desenvolvida com a meta de diminuir a população de cães de rua no país – cuja estimativa é de 20 milhões – por meio da adoção e guarda responsável.



Voltar…

III SEMINÁRIO SOBRE DIREITOS DOS ANIMAIS - USP

SEMINÁRIO DE DIREITOS DOS ANIMAIS: TEORIA E PRÁTICA
Data: 1º e 2 de dezembro de 2009
Horário: das 14h00 às 22h00
Local: Auditório da Casa de Cultura Japonesa
Endereço: Avenida Professor Lineu Prestes, 159 – Cidade Universitária – Butantã
Informações e inscrições: lei@usp.br
Tels.: (11) 3091-2441/ 3091-3584
Realização: Laboratório de Estudos sobre a Intolerância (LEI) – USP
ENTRADA FRANCA
*Distribuição de certificados aos interessados
PROGRAMAÇÃO
1º de dezembro de 2009
    •    14h00 às 16h00
Ecologia de estradas no Brasil
Giordano Ciocheti – graduado em ciências biológicas pela UFSCar, mestre em ecologia pela USP.
Aves silvestres e cativeiro
Soraya Lysenko – graduada em ciências sociais pela USP, diretora financeira da Associação Bichos da Mata.
Problemas de animais silvestres em cativeiro doméstico irregular e programa de reintrodução do Ibama/SP
Vincent Kurt Lo – graduado em ciências biológicas pela USP, analista ambiental do Ibama/SP.
    •    16h00 às 17h30
Sem rodeios: aspectos h…

Paris Hilton compra papagaio e o apresenta no Twitter

Orion de Sá



Paris Hilton apresentou uma foto do mais novo integrante do seu clã de bichinhos de estimação no Twitter.
O papagaio africano foi batizado de Hank.  A loira chegou a pedir sugestões para os seus fãs,  mas quem escolheu o nome do pássaro foi o namorado de Paris, Doug Reindhart. Paris Hilton, que na noite anterior teve uma grande surpresa, quando chegava em sua casa, após ter pego um cineminha com as amigas. Uma linda arvorezinha de Natal super decorada.  Em outro post a loirinha agradece ao amigo Francisco, que teria deixado a árvore junto com um bilhete carinhoso.




Voltar ao Blog do Orion de Sá



Polícia faz operação para combater brigas de galos no Nordeste

Publicada em 22/11/2009(Paraíba 1 e Gazeta Web)

JOÃO PESSOA e MACEIÓ - A Polícia Rodoviária Federal e outros órgãos desencadearam ações para combater brigas de galos em estados do Nordeste no sábado. Cerca de 50 animais foram apreendidos.
Em João Pessoa, na Paraíba, o Ibama, a Polícia Rodoviária Federal e a Polícia Florestal apreenderam 23 galos numa rinha no bairro do Rangel. Além dos animais, 23 gaiolas de viagem foram apreendidas com selos de transporte aéreo que sugerem que as aves foram transportadas do Rio de Janeiro para Recife de avião. A operação foi chamada de Gladiadores 2.
De acordo com informações levantadas pelo serviço de investigação da PRF, em João Pessoa acontecia o Campeonato Brasileiro de Galismo com participação de "competidores" e apostadores dos estados de Pernambuco, Bahia, Rio de Janeiro e Brasília, além de argentinos e urugaios. As apostas chegavam a R$ 300 e a entrada para assistir as lutas custava R$ 30.
Ninguém foi preso em João Pessoa. A agente Keyl…

Gatos com perucas

Depois de fazer sucesso com o lançamento de uma marca de perucas para gatos, há cerca de 2 anos, a norte-americana Julie Jackson resolveu lançar um livro com uma coletânea de 60 fotos dos bichanos paramentados, clicados por Jill Johnson.
Chamado “Glamourpuss” (algo como “Gatos Glamourosos”, na tradução para o português), a obra foi produzida com os felinos da própria Julie e da fotógrafa Jill. E, como o trabalho da dupla acabou se popularizando, acabaram por receber a contribuição de outros gatos das redondezas como modelos.
“Fotografar esses animais é mais trabalhoso do que as pessoas pensam. Levamos entre 2 a 4 horas para cada fotografia”, afirma Julie. “A maioria dos gatos gosta de provar as perucas, percebendo que toda a atenção está voltada para eles”, completa. Como os bichanos tendem a se movimentar bastante, os cliques costumam ser feitos logo após eles acordarem de uma soneca – e estarem, preferencialmente, de barriga cheia.
As perucas ainda são vendidas pelo site de Julie, o…

Fique de olho para o seu gato não se intoxicar dentro de casa

Retirado do site da GNT

Você colocou telas nas janelas, escolheu vários brinquedos, comprou uma caixa de areia e até mandou fazer uma capa resistente para o sofá, pensando em preparar a casa da melhor maneira possível para abrigar seu gatinho. Mas, ainda assim, o ambiente doméstico pode esconder ameaças aos felinos. Medicamentos, produtos de limpeza e até algumas espécies de plantas oferecem risco à saúde desses animais.

Segundo a veterinária Heloísa Justen, da clínica Gatos & Gatos, o dono precisa ficar atento, principalmente, na hora da faxina. “O material de limpeza deve ser guardado sempre fora do alcance dos animais. Desinfetantes cuja fórmula contém pinho ou fenol são muito tóxicos para gatos e não podem ser usados em tigelas de alimentos, nas áreas ocupadas pelos animais de estimação, no local de dormir e nas caixas de areia”, diz ela.

Ao decorar a casa é preciso levar em conta o morador de quatro patas. Os felinos são curiosos e adoram brincar com plantas. Além da comigo-ni…

Campanha 'Adotar é o Bicho!' estará no Largo do Machado, nesta quinta

A campanha educativa 'Adotar é o Bicho!', da Secretaria Especial de Promoção e Defesa dos Animais (Sepda), chega novamente ao Largo do Machado nesta quinta-feira, dia 15. O propósito da Sepda é adotar cães e gatos que foram vítimas de maus-tratos e abandono a pessoas que lhes dêem uma família e muito carinho. A campanha será realizada das 10h às 16h. O endereço é Rua do Catete (ao lado da estação do Metrô).
O evento ocorre duas vezes por semana em diferentes regiões da cidade, e tem como objetivo a adoção consciente de animais que precisam de um novo lar. Quem quiser adotar um animal deverá levar identidade, CPF, e comprovante de residência. O interessado também deve passar por uma entrevista com o veterinário de plantão no local. Caso chova, a campanha será cancelada.
Vale lembrar que a adoção pode ser feita diariamente, no Centro de Proteção Animal, na Fazenda Modelo, que fica na Estrada da Matriz, nº 4445, em Guaratiba.



VOLTAR AO BLOG DO ORION DE SÁ

Animais vítimas de maus-tratos

Cresce número de agressões. Zoo de Niterói cuida de 1.500 bichos ao ano no Rio - Cobras, jacarés, gaviões e corujas estão se tornando visitantes cada vez mais frequentes no Zoológico de Niterói. A cada ano, cerca de 1.500 animais silvestres são socorridos por bombeiros e levados para tratamento no zoo, que se tornou um refúgio contra a violência humana. “Aumentou muito o número de animais feridos pela população”, diz o veterinário André Maia. Uma das vítimas dos maus-tratos é o gavião da raça Carijó, que ganhou apelido de Olímpico. Ele teve as pernas e uma das asas quebradas, a pedradas ou pauladas, em Olaria, subúrbio do Rio.


À direita - Coruja no Zoo de Niterói: pássaros estão entre os mais atacados. Foto Alexandre Vieira/Agência O Dia

O gavião foi operado pelo veterinário André Maia e recebeu pinos nas partes quebradas. A recuperação demora até 1 ano. Neste período, Olímpico fará reabilitação em um viveiro de 17 metros, mas corre o risco de não voltar a voar. “Ele foi muito espancad…

Sem zebras, parque em Gaza pinta burros com listras

Orion de Sá
Texto retirado da Folha Online


Em janeiro deste ano, os conflitos entre israelenses e palestinos na faixa de Gaza fizeram vítimas também no zoológico local.
Duas zebras morreram de fome devido à escassez de comida e outros itens básicos para a população. Sem animais da espécie para apresentar ao público, o parque Marah Land, na Cidade de Gaza, resolveu então improvisar.
Um par de burros foi pintado para simular as zebras.
O objetivo do zoológico é, com os animais "camuflados", atrair mais pessoas ao local, que atualmente recebe poucos visitantes.




VOLTAR AO BLOG DO ORION DE SÁ