Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Novembro, 2009

Deputados recebem 1 milhão de cartas contra Projeto de Lei

Fonte: WSPA-Brasil


O artigo 32 da Lei de Crimes Ambientais (nº 9.605/98) é hoje a principal ferramenta legal para coibir atos de maus-tratos contra os animais domésticos ou domesticados. No entanto, o ex-deputado José Thomaz Nonô criou o polêmico Projeto de Lei 4.548/98, que visa justamente acabar com essa ferramenta, retirando a expressão “domésticos ou domesticados” do referido artigo 32.

Caso esse PL seja aprovado e, portanto, os maus-tratos a esses animais seja descriminalizado, o Brasil verá um provável aumento em atividades cruéis como rinhas de cães e galos e outros esportes cruéis com o uso de animais, sem falar na violência cada vez mais frequente contra cães e gatos.

Ação online

No início de outubro, a WSPA Brasil propôs uma ação online para que todos aqueles que são contra o PL 4.548/98 manifestem tal posição enviando uma carta-padrão aos deputados federais de seus respectivos estados. A participação tem sido impressionante…

CHEGA DE CIRCOS COM ANIMAIS

Orion de Sá

Os circos surgiram na China, há cerca de 5 mil anos, com espetáculos estrelados principalmente por dançarinos e acrobatas. Registros históricos indicam também a ocorrência de shows com malabaristas no Antigo Egito e contorcionistas na Índia. Na Grécia Antiga, espetáculos de destreza e equilíbrio eram complementados pelos sátiros, precursores dos palhaços, que faziam o público rir, com piadas e estripolias.

Assim, podemos concluir que o circo, desde sua origem, é um espaço para manifestações culturais e 
artísticas que enfatizam o talento humano. Entretanto, esse propósito legítimo encontra-se deturpado e, infelizmente, muitos circos de hoje não passam de palco para a dor, escravidão,  crueldade e morte­. 
Nada a ver com a beleza e a alegria com que deveriam brindar seu público!

Os animais utilizados nos espetáculos circenses são muito sofridos. Perdem seus ambientes naturais e passam a viver em cativeiro por toda a vida, presos por correntes ou contidos por fios elétricos, …

AÇÃO URGENTE: PREFEITO DE JAGUARIÚNA QUER CONSTRUIR TORTURÓDROMO DE ANIMAIS

Orion de Sá
O Prefeito de Jaguariúna Gustavo Reis (PPS) quer construir um Torturódromo de Animais: uma espécie de Coliseu ou arena com o dinheiro dos nossos impostos e do Ministério do Turismo, para que a população se divirta vendo os animais sofrerem em rodeios. O prefeito de Jaguariúna Gustavo Reis nos remete aos tempos da Roma Antiga onde os gladiadores enfrentavam as feras. Hoje os gladiadores são chamados de peões, mas a essência do espetáculo é a mesma entreter a população para que ela ela esqueça a sua própria miséria e não se rebele contra o sistema, se alienando e divertindo às custas do sofrimento e da vida dos martirizados (no caso atual, os bois, cavalos, etc...)
O Imperador (ou Prefeito) de Jaguariúna, o Sr Gustavo Reis, está implantando em pleno século XXI a política do 'pão e circo' dos tempos da Roma Antiga. Mais uma vez a História se repete em forma de farsa. Mas desta vez, o prefeito Gustavo Reis também está prestando um serviço aos pecuaristas que fornecerão…

Animais em sofrimento em condomínio do RJ

Uma moradora do condomínio Rio 2, que fica em frente ao Autódromo, na Av. Embaixador Abelardo Bueno, no Rio de Janeiro. Relatou em um e-mail, que depois de passar dias tentando solucionar um problema"sobre animais" com as autoridades competentes, lamenta que aqui no Brasil existe muita dificuldade em ajudar os animais.

Dentro do condomínio onde ela reside, há uma praça, com tanques pequenos de cimento com chafariz que ali foram introduzidos por anônimos, vários peixes (carpas) e tartarugas que se encontram com enorme dificuldade de sobrevivência. O problema é que ninguém é responsável pelos bichos, significa dizer que comem o que alguns moradores dão e quando dão, tipo miolo de pão, ração de gato etc. Eles têm dificuldade para respirar porque, quando há limpeza dos tanques, por vezes não esperam o cloro decantar, acarretando a morte e desespero de vários deles, o que é muito triste de ser visto.
A associação dos moradores do condomínio, a AMO RIO, não alimenta e nem se preocup…

Bruno Senna adere a campanha "Piloto Amigo dos Animais"

SÃO PAULO – O grupo “Piloto Amigo dos Animais”, criado há pouco mais de um ano com o propósito de chamar a atenção para o problema dos animais de rua, especialmente cachorros abandonados, acaba de ganhar a adesão de mais uma estrela das pistas. Com contrato assinado com a Campos Meta para estrear na Fórmula 1 em 2010, Bruno Senna passa a engrossar uma lista de simpatizantes da causa que inclui outros nomes importantes da Fórmula 1 e da Stock Car.
O “Piloto Amigo dos Animais” foi formado por pilotos e chefes de equipe da Stock Car que têm em comum o amor pelos animais. No ano passado, durante o Desafio Internacional das Estrelas, em Florianópolis, a iniciativa recebeu o apoio de personalidades do automobilismo como Felipe Massa e Michael Schumacher, que vestiram a camisa com o logo do grupo e da campanha PEDIGREE® Adotar é Tudo de Bom, desenvolvida com a meta de diminuir a população de cães de rua no país – cuja estimativa é de 20 milhões – por meio da adoção e guarda responsável.



Voltar…

III SEMINÁRIO SOBRE DIREITOS DOS ANIMAIS - USP

SEMINÁRIO DE DIREITOS DOS ANIMAIS: TEORIA E PRÁTICA
Data: 1º e 2 de dezembro de 2009
Horário: das 14h00 às 22h00
Local: Auditório da Casa de Cultura Japonesa
Endereço: Avenida Professor Lineu Prestes, 159 – Cidade Universitária – Butantã
Informações e inscrições: lei@usp.br
Tels.: (11) 3091-2441/ 3091-3584
Realização: Laboratório de Estudos sobre a Intolerância (LEI) – USP
ENTRADA FRANCA
*Distribuição de certificados aos interessados
PROGRAMAÇÃO
1º de dezembro de 2009
    •    14h00 às 16h00
Ecologia de estradas no Brasil
Giordano Ciocheti – graduado em ciências biológicas pela UFSCar, mestre em ecologia pela USP.
Aves silvestres e cativeiro
Soraya Lysenko – graduada em ciências sociais pela USP, diretora financeira da Associação Bichos da Mata.
Problemas de animais silvestres em cativeiro doméstico irregular e programa de reintrodução do Ibama/SP
Vincent Kurt Lo – graduado em ciências biológicas pela USP, analista ambiental do Ibama/SP.
    •    16h00 às 17h30
Sem rodeios: aspectos h…

Paris Hilton compra papagaio e o apresenta no Twitter

Orion de Sá



Paris Hilton apresentou uma foto do mais novo integrante do seu clã de bichinhos de estimação no Twitter.
O papagaio africano foi batizado de Hank.  A loira chegou a pedir sugestões para os seus fãs,  mas quem escolheu o nome do pássaro foi o namorado de Paris, Doug Reindhart. Paris Hilton, que na noite anterior teve uma grande surpresa, quando chegava em sua casa, após ter pego um cineminha com as amigas. Uma linda arvorezinha de Natal super decorada.  Em outro post a loirinha agradece ao amigo Francisco, que teria deixado a árvore junto com um bilhete carinhoso.




Voltar ao Blog do Orion de Sá



Polícia faz operação para combater brigas de galos no Nordeste

Publicada em 22/11/2009(Paraíba 1 e Gazeta Web)

JOÃO PESSOA e MACEIÓ - A Polícia Rodoviária Federal e outros órgãos desencadearam ações para combater brigas de galos em estados do Nordeste no sábado. Cerca de 50 animais foram apreendidos.
Em João Pessoa, na Paraíba, o Ibama, a Polícia Rodoviária Federal e a Polícia Florestal apreenderam 23 galos numa rinha no bairro do Rangel. Além dos animais, 23 gaiolas de viagem foram apreendidas com selos de transporte aéreo que sugerem que as aves foram transportadas do Rio de Janeiro para Recife de avião. A operação foi chamada de Gladiadores 2.
De acordo com informações levantadas pelo serviço de investigação da PRF, em João Pessoa acontecia o Campeonato Brasileiro de Galismo com participação de "competidores" e apostadores dos estados de Pernambuco, Bahia, Rio de Janeiro e Brasília, além de argentinos e urugaios. As apostas chegavam a R$ 300 e a entrada para assistir as lutas custava R$ 30.
Ninguém foi preso em João Pessoa. A agente Keyl…

Gatos com perucas

Depois de fazer sucesso com o lançamento de uma marca de perucas para gatos, há cerca de 2 anos, a norte-americana Julie Jackson resolveu lançar um livro com uma coletânea de 60 fotos dos bichanos paramentados, clicados por Jill Johnson.
Chamado “Glamourpuss” (algo como “Gatos Glamourosos”, na tradução para o português), a obra foi produzida com os felinos da própria Julie e da fotógrafa Jill. E, como o trabalho da dupla acabou se popularizando, acabaram por receber a contribuição de outros gatos das redondezas como modelos.
“Fotografar esses animais é mais trabalhoso do que as pessoas pensam. Levamos entre 2 a 4 horas para cada fotografia”, afirma Julie. “A maioria dos gatos gosta de provar as perucas, percebendo que toda a atenção está voltada para eles”, completa. Como os bichanos tendem a se movimentar bastante, os cliques costumam ser feitos logo após eles acordarem de uma soneca – e estarem, preferencialmente, de barriga cheia.
As perucas ainda são vendidas pelo site de Julie, o…