Pular para o conteúdo principal

Vídeo mostra cavalo caindo exausto ao puxar charrete turística em Poços de Caldas - MG

Animal não aguentou morro no Centro e caiu, ficando estendido no chão.
Imagem reacende suspeita de maus-tratos com cavalos usados no turismo.

Vídeo mostra cavalo de charrete turística caindo exausto em Poços de
Caldas (Foto: Reprodução EPTV)
Um vídeo publicado nas redes sociais mostra um cavalo caindo exausto no Centro de Poços de Caldas (MG) enquanto tentava puxar uma charrete por um morro. As imagens têm causado revolta nos moradores. Os passeios de charrete à cavalo são um dos atrativos turísticos da cidade e o vídeo reacende suspeitas de que muitos animais usados para este fim sofrem maus-tratos e não há fiscalização para impedir isso.

As imagens foram feitas na Rua Barão do Campo Místico. O vídeo mostra quando o cavalo, que puxava a charrete, não aguentou o morro e caiu, ficando estendido na rua. O dono do animal ainda tentou levantá-lo, mas o cavalo aparentava estar sem forças. O vídeo tem apenas poucos segundos. Testemunhas afirmam que depois de um tempo, o cavalo conseguiu se levantar. O autor do vídeo preferiu não ser identificado.

O secretário de Turismo, Rômulo Vilela, afirmou que o caso será apurado. "O vídeo é chocante, é triste, mas daí chegar e dizer que foi maus-tratos, vai uma distância muito grande. Da mesma forma que um ser humano pode ter um desmaio, pode ter um pequeno problema, o animal também pode ter. Vamos ver se foi isso o que aconteceu ou se é algo mais sério. Nós vamos verificar e cobrar posicionamento caso tenha ocorrido algum abuso", disse o secretário.

De acordo com o presidente da Associação dos Condutores de Veículos de Tração Animal, Luis Carlos Jonas, o charreteiro que conduzia o animal foi punido com oito dias de suspensão. “Uma charrete é como um carro. Se você está dirigindo, é necessário toda atenção. Se você passa um farol fechado, você é multado. Então, se o charreteiro não estava atento ao trânsito e prejudicou o [cavalo], ou fluxo de veículos, ele também tem que ser punido. E este foi o caso."

Ainda segundo Jonas, a fiscalização dos animais e das charretes ocorre periodicamente e há um estatuto que todos os charreteiros devem respeitar. No caso do cavalo registrado no vídeo, se o charreteiro tiver problemas com os animais por uma segunda vez, a suspensão será por 30 dias. Em caso de uma terceira ocorrência, ele é expulso da associação.

A instituição existe desde 1983 e mantém um contrato anual com uma clínica veterinária, onde os animais passam frequentemente por exames para verificar se eles estão com boas condições de saúde.

Maus-tratos recorrentes
Esta não é a primeira vez que moradores de Poços de Caldas registram a exaustão dos animais usados para passeios de charrete. Em dezembro de 2011, fotos de um cavalo exausto caído após um dia inteiro de trabalho sem descanso geraram indignação na cidade.

Vários segmentos da sociedade civil ligados aos direitos dos animais começaram a se posicionar contra o uso de animais em veículos de tração. Eles chegaram a reunir dois abaixo-assinados com mais de 500 assinaturas e uma audiência pública na Câmara de Vereadores discutiu alternativas para proteger os animais e não prejudicar o trabalho dos charreteiros.

Em junho de 2013, os profissionais passaram a receber cursos de qualificação para evitar que os passeios acabem, mas também não permitindo que os animais trabalhem até a exaustão.

Fonte: G1

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

'A FAZENDA' THIAGO GAGLIASSO VOLTA A BATER NAS CABRAS - OUTRA PUNIÇÃO

Abaixo trechos onde fica explícito o desprezo, o abuso e o desrespeito pelos animais. Olha uma de suas frases:
- não posso te agredir, mas, posso te agredir verbalmente....
No final da votação, debochando, ele se dirige "aos criadores de cabra" pedindo desculpas e avisa que amanhã teria uma reunião com todas elas.
O diretor do programa disse, em entrevista, que agressão aos animais daria expulsão. O que falta além da confissão do tal participante? Será que é porque o Thiago já veio marcado para ganhar por ser cunhado do auditor do referido programa? Quem falou foi ele mesmo, gente!

Fonte: O Grito do Bicho
Voltar ao Blog do Orion de Sá

IGGY POP E KE$HA EM CAMPANHA CONTRA A CAÇA DE FILHOTES DE FOCA

Ke$ha e Iggy Pop decidiram unir forças à PETA, organização que luta pelo tratamento ético aos animais, para impedir o governo canadense de legalizar o comércio internacional de vendas de peles de filhotes de focas.“Dar pauladas (maneira utilizada para sacrificar os animais) em filhotes de focas é doentio e é uma ‘mancha negra’ no Canadá. Não deixe a ganância de alguns manchar a imagem de um país inteiro” declarou o lendário roqueiro. “A matança canadense é bárbara e arcaica” acrescentou a autora de Tik Tok. “Minha música e meus fãs são parte de um movimento entre os jovens que pretendem dominar o mundo com mudanças positivas. Sei que ele irão ajudar a mim e a PETA a banir a matança canadense de focas, para que o único lugar que você veja pele de filhotes seja no museu”. A dupla irá aparecer em cartazes ao lado de imagens dos animais com o slogan “Canada’s club scene sucks” (“O cenário de porretadas canadense não presta” em tradução livre) para promover a ação, como você pode ver nas foto…

ERGONOMIA - CADEIRA DE RODAS PARA CÃES AMIGO

Nir Shalom, um designer industrial israelense, criou esse cadeira de rodas que permite que o cão tenha mais liberdade em seus movimentos, além de mais conforto. Apresentada no mês passado em Milão. A cadeira se encaixa no quadril do cão e permite que ele consiga se deitar, correr e sentar.
Voltar ao Blog do Orion de Sá