Pular para o conteúdo principal

Dinamarca projeta zoo com animais soltos e público 'invisível'

O conceito de Bjarke Ingels presume que os animais não se
incomodarão com cápsulas espelhadas
Um zoológico na Dinamarca pretende permitir que seus visitantes passeiem entre animais soltos – estando invisíveis para eles.

No projeto futurístico do renomado arquiteto dinamarquês Bjarke Ingels, o público entrará em cápsulas espelhadas, se esconderá atrás de troncos de árvores ou debaixo da terra.

O conceito criado por Ingels para o Zootopia tem o objetivo de permitir a visitação em 120 hectares (equivalente a mais ou menos 120 campos de futebol) de habitat perturbando os animais o mínimo possível.

Para isso, projetou um intrincado sistema de teleféricos, cápsulas flutuantes e esconderijos, entre eles, buracos de observação dentro de montes falsos.

'Viver em harmonia'

Tudo, partindo do princípio de que os animais não serão incomodados pela passagem das cápsulas ovais espelhadas.

Visitantes entrarão por uma enorme praça, que dará acesso a 4km
de trilhas pela 'natureza'
"A maior e mais importantes missão de um arquiteto é projetar ecossistemas feitos pelo homem, garantir que as nossas cidades e edifícios sejam adaptados ao nosso estilo de vida", afirmou o fundador do Bjarke Ingels Group (BIG).

"Temos que garantir que as nossas cidades ofereçam uma estrutura generosa para pessoas de origens, sexos, níveis econômicos e de educação e idades diferentes. Para que todos possam viver juntos em harmonia ao mesmo tempo em que levamos em conta as necessidades individuais e o bem comum."

Para ele, em lugar algum este desafio é maior do que em um zoológico.

Por isso, projetou um zoo em que a relação entre os próprios animais e entre animais e visitantes seja "a melhor e mais livre possível".


Os animais ficarão soltos todo o tempo no projeto do zoológico
dinamarquês
O parque será dividido em três "continentes" interligados: África, Ásia e Américas.

O visitantes entrarão no zoo por uma enorme praça, dentro de uma espécie de cratera, da qual terão visões panorâmicas do resto do zoo.

De lá, terão adiante 4km de trilhas pela "natureza", flutuando nas cápsulas em um rio, pedalando pelas savanas ou "sobrevoando" as Américas em um teleférico.

Ursos poderão ser observados por detrás de "troncos" de árvores, leões de uma espécie de trincheira camuflada na paisagem e girafas, através de "olhos mágicos" em um monte.


Os alojamentos serão construídos nas laterais da 'cratera' na qual
funcionará a praça
Bjarke Ingels é conhecido por seus projetos inovadores. Ele idealizou uma usina de processamento de lixo em Copenhague com uma pista de esqui serpenteando a sua cobertura.

Outro projeto famoso de Ingels é uma torre de observação que está sendo construída em Phoenix, no estado americano do Arizona, em formato de um pirulito.

O Zootopia deve substituir o atual zoológico de Givskud, no sul da Dinamarca, que permanecerá aberto durante as obras.

A primeira fase do projeto deve ser concluída até 2019, quando o zoo completa 50 anos.


Fonte: BBC

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

'A FAZENDA' THIAGO GAGLIASSO VOLTA A BATER NAS CABRAS - OUTRA PUNIÇÃO

Abaixo trechos onde fica explícito o desprezo, o abuso e o desrespeito pelos animais. Olha uma de suas frases:
- não posso te agredir, mas, posso te agredir verbalmente....
No final da votação, debochando, ele se dirige "aos criadores de cabra" pedindo desculpas e avisa que amanhã teria uma reunião com todas elas.
O diretor do programa disse, em entrevista, que agressão aos animais daria expulsão. O que falta além da confissão do tal participante? Será que é porque o Thiago já veio marcado para ganhar por ser cunhado do auditor do referido programa? Quem falou foi ele mesmo, gente!

Fonte: O Grito do Bicho
Voltar ao Blog do Orion de Sá

ERGONOMIA - CADEIRA DE RODAS PARA CÃES AMIGO

Nir Shalom, um designer industrial israelense, criou esse cadeira de rodas que permite que o cão tenha mais liberdade em seus movimentos, além de mais conforto. Apresentada no mês passado em Milão. A cadeira se encaixa no quadril do cão e permite que ele consiga se deitar, correr e sentar.
Voltar ao Blog do Orion de Sá

DIGA NÃO A LEGALIZAÇÃO DA CAÇA! DIGA NÃO AO RETROCESSO!

Recentemente estamos vivendo no nosso país uma série de retrocessos, que vão contra toda a luta pelos direitos dos animais até hoje. Proibida desde 1967, a caça de animais silvestres na verdade, nunca deixou de existir no Brasil e esse é um dos principais fatores que levam à extinção de várias espécies ameaçadas. Mas um projeto tramita na Câmara dos Deputados prevê a regulamentação do exercício de caça no país. Trata-se do Projeto de Lei 6268/16 de autoria do deputado Valdir Colatto (PMDB-SC), membro da bancada ruralista. O projeto anula a Lei de Proteção à Fauna (Lei 5.197/67), que proíbe o exercício da caça profissional. Defensores do projeto de lei justificam que é preciso conter algumas espécies, pois são consideradas invasoras e oferecem perigos ao ecossistema. O projeto de lei também retira da Lei de Crimes Ambientais (Lei 9.605/98) o agravamento até o triplo da pena de detenção de seis meses a um ano, e multa, por matar, perseguir, caçar, apanhar ou utilizar animais sem licenç…