Pular para o conteúdo principal

Cão de funcionária com ebola nos EUA não será sacrificado

Na Espanha, o cachorro da enfermeira que foi diagnosticada com a doença não teve a mesma sorte

Apartamento da funcionária passará por um longo processo para ser
descontaminado (Foto: Getty Images/Archivo)
O cachorro de estimação da funcionária do Hospital Presbiteriano de Dallas, nos EUA, que foi diagnosticada com ebola no último domingo, não será sacrificado. O animal será mantido em lugar seguro para um eventual reencontro com sua dona. As informações são do USA Today.

Segundo a publicação, o cão permaneceu no apartamento da profissional de saúde depois que ela foi hospitalizada. Ele será enviado para um novo local para esperar pela recuperação de sua dona.

De acordo com o prefeito de Dallas, Mike Rawling, o animal não será sacrificado. "O cão é muito importante para a paciente e nós o queremos seguro", disse. O apartamento da funcionária passará por um longo processo para ser descontaminado.

Na Espanha, o cão da enfermeira que foi diagnosticada com ebola não teve a mesma sorte: o animal foi sacrificado e seu cadáver foi "colocado em um dispositivo de biossegurança selado e transferido para incineração em uma instalação de eliminação autorizada". As informações são de um comunicado do governo de Madrid, divulgado pela agência AP.

De acordo com os funcionários espanhóis, o cão foi morto porque representava um risco de transmitir a doença para outros seres humanos. Por enquanto, não há nenhum caso documentado de ebola sendo transmitido de pessoas para cães - ou ao contrário. No entanto, um estudo sugere que os cães possam ter a doença e não apresentar sintomas.
O Ministério da Saúde espanhol disse, neste domingo, que a auxiliar de enfermagem, Teresa Romero Ramos, está com a saúde estável e mostra sinais de "ligeira melhora".

Fonte: Terra

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

'A FAZENDA' THIAGO GAGLIASSO VOLTA A BATER NAS CABRAS - OUTRA PUNIÇÃO

Abaixo trechos onde fica explícito o desprezo, o abuso e o desrespeito pelos animais. Olha uma de suas frases:
- não posso te agredir, mas, posso te agredir verbalmente....
No final da votação, debochando, ele se dirige "aos criadores de cabra" pedindo desculpas e avisa que amanhã teria uma reunião com todas elas.
O diretor do programa disse, em entrevista, que agressão aos animais daria expulsão. O que falta além da confissão do tal participante? Será que é porque o Thiago já veio marcado para ganhar por ser cunhado do auditor do referido programa? Quem falou foi ele mesmo, gente!

Fonte: O Grito do Bicho
Voltar ao Blog do Orion de Sá

IGGY POP E KE$HA EM CAMPANHA CONTRA A CAÇA DE FILHOTES DE FOCA

Ke$ha e Iggy Pop decidiram unir forças à PETA, organização que luta pelo tratamento ético aos animais, para impedir o governo canadense de legalizar o comércio internacional de vendas de peles de filhotes de focas.“Dar pauladas (maneira utilizada para sacrificar os animais) em filhotes de focas é doentio e é uma ‘mancha negra’ no Canadá. Não deixe a ganância de alguns manchar a imagem de um país inteiro” declarou o lendário roqueiro. “A matança canadense é bárbara e arcaica” acrescentou a autora de Tik Tok. “Minha música e meus fãs são parte de um movimento entre os jovens que pretendem dominar o mundo com mudanças positivas. Sei que ele irão ajudar a mim e a PETA a banir a matança canadense de focas, para que o único lugar que você veja pele de filhotes seja no museu”. A dupla irá aparecer em cartazes ao lado de imagens dos animais com o slogan “Canada’s club scene sucks” (“O cenário de porretadas canadense não presta” em tradução livre) para promover a ação, como você pode ver nas foto…

ERGONOMIA - CADEIRA DE RODAS PARA CÃES AMIGO

Nir Shalom, um designer industrial israelense, criou esse cadeira de rodas que permite que o cão tenha mais liberdade em seus movimentos, além de mais conforto. Apresentada no mês passado em Milão. A cadeira se encaixa no quadril do cão e permite que ele consiga se deitar, correr e sentar.
Voltar ao Blog do Orion de Sá